Pensando Juntos

A Pauta do Amanhã

Antever cenários, identificar oportunidades, e apontar caminhos inovadores para gerar qualidade de vida, é a nossa missão

Em junho de 2015, publiquei aqui nesse BLOG um texto sobre Dilema Moral. Tratava sobre as decisões éticas de um “carro Autonomo”. Exemplo: Se um atropelamento for inevitável, o carro autônomo deve atropelar a criança ou o velhinho? 

Pouco mais de 6 anos após, continuo o assunto.

As novas tecnologias ja permitem a criação de uma especie não orgânica, auto replicante, sem nossas travas de  consciência humana, capaz de resolver problemas muito melhor que nós. Um bom exemplo disso são os softwares de pontuação para demitir funcionários. Aplicamos a pesquisa e sai a lista de quem deve ser demitido. Não importa por quem foi indicado, nem de quem é filho. Simplesmente mede e sem emoção devolve a lista pronta. É uma forma de inteligência. 

O banco de dados das grandes empresas de tecnologia sabem mais de nós, do que nós mesmos. Até “ontem” sabia de nossos hábitos. Hoje sabem de nosso corpo. Os dados biométricos já são impressionantes. Agora, além  de preverem seu casamento (antes de você ter namorado), vão prever seu ultimo dia de vida, sem falar com seu médico. 

De alguma forma a sociedade precisa se organizar para que esses dados sejam usados para nos ajudar e não para nos manipular. Assista se puder: https://youtu.be/xihmi7iM3N0

Essa vigilância permanente se usada para o bem, é maravilhosa. Se usada para o mal, será nosso maior desastre em todos aspectos da vida em sociedade. Coloca em risco a democracia e na sequência  a própria sobrevivência da espécie humana.  

Quem vigia, precisa ser vigiado. Quem vigia o vigia? 

pensandojuntos.com

15 nov 2021 - jornalista@paulosergiorosa.com